Praia do Forte - Mata de São joão

Projeto Tamar em Praia do Forte é um dos mais visitados no Brasil

Além do valioso trabalho de preservação das tartarugas marinhas, educação ambiental, interações com a pesca local, entre outras atividades; o espaço do Projeto Tamar em Praia do Forte é bem indicado para as crianças, visto as diversas interações proporcionadas pelas tartarugas marinhas gigantes.

Praia do Forte

O Centro de Visitantes da Praia do Forte foi criado em 1982. Junto com a base de pesquisa, ocupa uma área total de dez mil metros quadrados, cedida pela Marinha do Brasil/Comando do IIº Distrito Naval, no entorno do farol Garcia D’Ávila.

A biodiversidade, a beleza natural e a riqueza histórica e cultural desta região turística fazem do Centro de Visitantes um dos mais frequentados do Brasil, atendendo a cerca de 600 mil pessoas/ano, entre membros da comunidade, estudantes, pesquisadores e turistas brasileiros e estrangeiros.

Praia do Forte

Entre tanques e aquários, são 600 mil litros de água salgada com exemplares da fauna marinha da região e de quatro das cinco espécies de tartarugas marinhas que ocorrem no Brasil, em diferentes estágios do ciclo de vida. Tem multimídia, cinema, vídeo, aquários, tanques, exposição permanente de painéis fotográficos, loja e restaurante. Um espaço cultural recebe eventos com artistas nacionais, internacionais e locais. As informações estão distribuídas por todo o espaço, através de painéis em português e inglês.

Praia do Forte

Como chegar

Partindo de Salvador, a Praia do Forte, no município de Mata de São João-BA, fica cerca de 60 km ao norte de Salvador (75km do Centro e 50km do aeroporto internacional), através da BA-092, conhecida como Estrada do Côco. Há saídas regulares de ônibus e vans da estação rodoviária e de outros pontos da Av. Paralela de Salvador.

Ingresso – R$ 22,00

*Gratuidade para membros da comunidade da Praia do Forte mediante comprovante de residência em seu próprio nome. A gratuidade não se estende a parentes que não moram na Praia do Forte.

Gostou? Compartilhe!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *