O que fazer em Salvador

“Godó, o mensageiro do vale” revela histórias da Chapada Diamantina

Para os apaixonados pela Chapada Diamantina e por boas histórias, a pedida do mês de abril é a ficção teatral “Godó, o mensageiro do vale”, inspirada em fatos reais, acontecidos no Vale do Paty, na Chapada Diamantina, na Bahia, os quais acabaram condicionando a vida dos moradores, que foram obrigados a deixar o local após um decreto governamental que proibiu o cultivo do café, no final da década de 60. Mais do que dialogar com questões socais e antropológicas, “Godó” é uma imersão no mundo mágico de uma região que se manteve praticamente isolada da civilização.

Depois de quatorze anos de pesquisa, oportunidade em que estreitou contato com as poucas famílias que ficaram no Vale do Paty, transformado em reserva ecológica, Caco Monteiro construiu uma fábula na qual incorpora não apenas o personagem Godó, um homem de outro tempo, mas, também, captura o espírito do local e o espírito de uma época.

Onde: Teatro SESI (Rio Vermelho)
Quando: Sábados e Domingos de abril | 20h
Valor: R$50 e R$25

Gostou? Compartilhe!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × quatro =