Igreja do Bonfim

Salvador e o Mundo, o Mundo e Salvador… Paris!

Da nossa gostosa série: Salvador e o Mundo, o Mundo e Salvador – Basta um pouco de atenção para sentir o “nosso mundo” pelo mundo afora.

A famosa Ponte das Artes em Paris – França é conhecida por seus inúmeros cadeados que os casais deixam por lá e jogam a chave no Rio Sena numa “simpatia” que garantiria o amor eterno entre eles.

Apesar de ser a ponte mais famosa, engana quem pensa que apenas essa ponte abriga os tais cadeados. Devido à saturação da mesma, outras pontes que ligam uma margem à outra do Rio Sena também recebem os muitos cadeados e seus pedidos amorosos. ❤️

Por aqui, não numa ponte, mas o portão de uma igreja, ao invés de grossos cadeados, singelas fitas. Porém, a similaridade do colorido, da intenção, da subjetividade e de algo ainda maior em Salvador: a amplitude do pedido e a fé. 🙏

Também se engana quem pensa que as milhares de fitinhas do Senhor do Bonfim estejam amarradas apenas na Igreja de Nosso Senhor do Bonfim.  

A Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos também está tomada pelas fitinhas e essa prática está se alastrando por outras igrejas no Pelourinho, principalmente.

Em Paris, ações estão sendo tomadas para a retirada dos milhares de cadeados devido ao peso e risco de desabamento da ponte. Aqui, a leveza da fita e o peso da fé fazem uma combinação sem riscos e eterna.

Ponto pra gente!

Gostou? Compartilhe!

Comente direto no Facebook

comentários