Visita à Stonehenge

Visita à Stonehenge na Inglaterra: Vale a pena?

A primeira coisa a se dizer sobre uma visita à Stonehenge é que ela não é uma cidade. Ela é uma das atrações de Salisbury, cidade que fica a aproximadamente 140 km de Londres e que você pode tranquilamente conhecer junto com Bath ou Windsor, que foi o que eu fiz.

Localizado perto de Salisbury, Stonehenge é um monumento neolítico, com uma misteriosa formação de enormes monólitos arranjados em forma circular. Pouco se sabe sobre quem o construiu, sua real finalidade, como foi possível sua realização e até mesmo sobre quando foi erigido, mas estudos recentes indicam que o sítio já era utilizado há, pelo menos, 5000 anos. O que existe de consenso sobre ele é a respeito das suas funções astronômicas durante os solstícios de verão e inverno e equinócios de outono e primavera.

Muitos conhecem a mística que envolve esse monumento histórico e acabam criando muita expectativa para esta visita. Mas não espere por pedras muito imensas, clima ancestral ou coisas estranhas acontecendo, rs. Para olhos comuns, tratam-se apenas de pedras amontoadas, e, de fato, são.

Visita à Stonehenge

Por isso, para que a visita à Stonehenge seja o mais bacana possível, minha dica é que você conheça um pouco da história e os mistérios por trás da construção e tente se teletransportar para aquela época, imaginando o que foi feito ali, como foi feito e refletir. Obviamente esse lugar é um super ponto turístico, com muita gente e o melhor é não se deixar influenciar por críticas ou mesmo grandes expectativas. Meu conselho é: vá sabendo do que se trata e tente ter a melhor experiência pessoal possível.

Uma forma de se ter uma experiência ainda melhor em Stonehenge é ir no final do dia para pegar o pôr do sol e rezar para o dia estar aberto, né? Com chuva, uma visita à Stonehenge estaria inteiramente comprometida. Com um por do sol limpo é possível vê-lo encaixado na abertura de uma das pedras, uma das razões de toda a mística que envolve esse lugar.

Como é a visita à Stonehenge?

Se você chegar de ônibus ou de carro à Stonehenge, você irá descer no Centro de Exposições Stonehenge, que permite que você aproveite a rica história e mistério que rodeiam o local. Ele é um centro de visita bem moderno, com uma super estrutura que juro que não estava esperando algo parecido no meio de um vasto campo verde. Nesse centro de apoio você também irá encontrar banheiros, loja de café/lanches e loja de lembranças (na Europa, sempre!).

Do centro de apoio você pode fazer uma caminhada de mais ou menos 2  km até o local das pedras ou pegar um outro ônibus (shuttle), que é até recomendável para você se poupar. Se você chegar em passeios fechados, o bilhete desse ônibus certamente já estará incluído nesse preço. O micro ônibus faz um curto caminho até uma pista onde você sai no meio de campos e lá na sua frente estarão as pedras icônicas de Stonehenge.

O sítio de Stonehenge agora tem uma barreira em torno dele, o que significa que você não pode tocar as pedras ou sequer chegar perto delas. Eu achei a distância um pouco grande, mas isso com certeza deve ser a título de preservação. Os britânicos pensam em tudo para perpetuar seus atrativos turísticos. Do ponto de vista da fotografia, é muito melhor, já que seria muito difícil tirar fotos sem as pessoas ou até mesmo encontrar um bom ângulo individual com essas pedras enormes atrás, rs.

Visita à Stonehenge

Na prática, na visita à Stonehenge, as pessoas fazem um trajeto circundante pelas pedras, podendo vê-las de todos os ângulos possíveis, mas não sendo possível entrar no seu círculo. Depois de tentar captar o mistério que ronda essas pedras, apreciar os campos verdes ao seu redor e tirar fotos, verdade que não é necessário mais muito tempo aqui. O ônibus estará lhe esperando para lhe levar de volta ao centro de apoio.

Finalmente, vale a pena a visita à Stonehenge?

Bem, entre as sete localidades que conheci do interior da Inglaterra, Stonehenge foi a menos empolgante pra mim. Sim, é muito bom estar num lugar histórico e ver uma obra pré-histórica, mas nem de longe se compara à experiência em Machu Picchu ou Chichén Itzá, por exemplo, em que você leva um dia inteiro facilmente explorando esses sítios. Se você pretende gastar um dia inteiro somente para ir à Stonehenge, eu não recomendaria de jeito nenhum.

Verdade que não há nada em Stonehenge além das pedras e campos verdes ao seu redor. Se você pretende fazer um bate e volta de Londres, eu recomendaria casar com Bath e/ou Windsor. Ou então, tente aproveitar um pouco mais Salisbury, que deve ser uma cidadezinha bem formidável e acaba que a visita à Stonehenge vira só mais uma atração.

Como ir de Londres a Salisbury

Para ir a Stonehenge de trem, você terá de ir à cidade de Salisbury. Os trens saem da estação ferroviária Waterloo e o percurso dura 1,5 h até Salisbury. Consulte horários e as tarifas aqui.

Em Salisbury, não há transporte público para o monumento, você terá que contratar uma empresa que faça o trajeto pra lá. Aquelas de ônibus de dois andares em esquema hop-on hop-off (que você pode descer em pontos diferentes), a passagem não deve sair menos que £10. Portanto, vai ficar bem carinho, se o seu foco seja apenas conhecer Stonehenge. Se você fizer essa opção, acredito que o melhor seja aproveitar para também conhecer a cidade.

Por não haver transporte público de Londres direto para Stonehenge e não ser tão simples nem barato  e, se você for não esticar em Salisbury, não há opção mais fácil e melhor que você ir de excursão a partir de Londres. Há diversas opções, tanto para ir para Stonehenge juntamente com outros locais próximos, como para ir somente ao monumento.

Consulte no hotel ou hostel que você ficar. Há diversas empresas que fazem esse serviço em Londres. Eu fui por uma que fechei no meu curso mas, infelizmente, não me recordo o nome. Uma empresa bacana que indico é a International Friends.

Outras informações sobre Stonehenge

Para além do monumento, a paisagem ao redor de Stonehenge é belíssima. O local onde ele foi construído, na planície de Salisbury, é um enorme planalto de giz, que, obviamente, não é a mesma terra desde a era pré-história, mas o fato de estar em uma parte elevada de terra, com o restante da área aumentando gradualmente, não é uma coincidência. Uma teoria mais recente diz que, devido à adoração ao sol, é que Stonehenge foi construído como um símbolo de poder e intimidação.

Visita à Stonehenge Visita à Stonehenge

O local não tem nenhuma proteção. Por isso, vá com roupa leve no verão ou pesada no inverno. Mas tome cuidado até no verão, lá venta muito, muito mesmo e faz muito frio. É um local completamente aberto e  sem proteção. Se estiver chovendo, fatalmente, não vá para Stonehenge, não vai valer a pena.

E você, já fez uma visita à Stonehenge, acha que valeu a ida?

Gostou? Compartilhe!

2 comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 + seis =

2 comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezesseis − 12 =