O que fazer em Salvador

Diálogo entre a ancestralidade africana e a contemporaneidade é destaque no Teatro Gamboa Nova

Dica de uma programação boa e barata pra hoje: ainda dá tempo de assistir a ORÍ – O OLHO POR ONDE EU VEJO DEUS É MESMO OLHO POR ONDE ELE ME VÊ.

Depois de duas temporadas no Teatro Gamboa Nova em 2014, além de circular em 2015 por dez casas de asè de Salvador e seis unidades do Sesc Rio, o espetáculo volta em cartaz no Gamboa Nova nos dias 20 e 27 de fevereiro, em duas sessões, 17h e 20h.

Estabelecendo relações entre corpo-espaço-tempo, conservando as simbologias mais marcantes de certos processos ritualísticos de iniciação do asé e utilizando a pesquisa do Teatro Documetário, o projeto fala sobre a memória afetiva, o diálogo da ancestralidade e o mundo contemporâneo através da poesia e força que estão presentes na cultura ancestral africana, das histórias comuns, de gente comum, resgatando oralidades diluídas, quase que apagadas de nossas memórias.

“O espetáculo promove um diálogo entre a ancestralidade africana e a contemporaneidade. Ao mesmo tempo em que mostra o processo de encontro de uma pessoa com seu orixá. Queremos mostrar a beleza dessa religião de matriz africana”, destaca Romero, diretor de arte.

Serviço
Quando: 20 e 27/02 (hoje é próximo sábado)
Horário: 17h e 20h
Quanto: R$20,00 e R$10,00 (meia)
Classificação: livre

Vindo para Salvador ou viajando pelo mundo? Reserve por aqui!
Quando você faz uma reserva por um link do blog, você quase sempre tem desconto, não paga nada a mais por isso e nós ganhamos uma pequena comissão. Essa troca positiva nos ajuda a continuarmos produzindo mais conteúdo de qualidade.
Gostou? Compartilhe!
0 0 votes
Article Rating
Se inscrever
Me notificar caso:
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
-->