Roteiro de 3 dias por Los Angeles

O que fazer em Los Angeles | Roteiro de 3 dias

A primeira ida aos Estados Unidos sempre cria tensão e expectativa. Superado o medo de ser escorraçado porta fora, haha, achei tudo muito tranquilo. A grande presença de latinos nas principais cidades e pontos turísticos ajuda muito na comunicação e, por suas cidades não serem tão seculares como às da Europa, por exemplo, o legal é que você acaba as curtindo de forma diferente, sem aquela pressão de ter que fazer e ver mil coisas do circuito cultural-histórico.

A mundialmente famosa Rodeo Drive, rua de compras e cenário do filme “Uma linda Mulher”

Minha porta de entrada nos Estados Unidos foi Los Angeles e impressionante como ela me surpreendeu. Apesar da fama da cultura pop de Los Angeles ser superficial ou que a cidade seja, atualmente, decadente; a segunda maior metrópole dos EUA é uma cidade vívida, cheia de alma e eclética. Há um lado decadente, sim, inclusive na sua mais famosa avenida, a Calçada da Fama, como nos bairros mais afastados mas nada que tire o brilho dos seus outros atrativos e a áurea interessante e instigante que tem essa enorme cidade.

Por ser uma cidade gigante (são 75 quilômetros de costa, que se estende de Malibu a Long Beach), creio que o maior desafio em Los Angeles não é o que fazer, mas qual a versão desta vasta cidade a ser adotada, mesmo porque esta não é uma cidade que você possa esgotar em um fim de semana. Com variadas atrações urbanas, montanhas majestosas, praias logo ao lado (estamos na Califórnia!), temperaturas moderadas e o sol o ano todo, saiba que você terá que fazer escolhas difíceis para tentar absorver a cultura da “Cidade dos Anjos”.

→ Preciso alugar um carro em Los Angeles?

Como sempre, tudo irá depender do estilo de viagem que você esteja fazendo. As unânimes recomendações de que é essencial alugar carro para curtir a cidade e região não são à toa. Los Angeles é uma cidade enorme, com as coisas bem espalhadas e, mesmo sendo servida de metrô e ônibus, muitos lugares não são acessíveis através deles e você poderia utilizar em complemento Uber, táxi e ser bem tranquilo.

Porém, se sua intenção for, além de explorar a cidade, conhecer as praias do litoral ou seguir para outras cidades como San Francisco ou Las Vegas, alugar carro é mesmo essencial. E quer saber? Essa é a melhor coisa que você faz, a praticidade e a liberdade que você tem na viagem são coisas muito boas! Não pense que é um bicho de sete cabeças, é bem simples, neste post eu falo tudo o que você precisa saber.

→ Preciso comprar chip de celular em Los Angeles?

Se você alugar carro, sim, para a utilização do Waze. Se você não comprar antes pela EasySim4You no Brasil (que é bem melhor), uma outra opção é a T-Mobile, a loja onde comprei. Tem várias lojas de celular espalhada pela cidade. Paguei 50 dólares, por um mês, na T-Mobile do bairro de Inglewood (W Century Blvd, 3111).

E, finalmente, vamos partir para algumas dicas sobre o que fazer em Los Angeles? Coisa é que não falta, aqui vão algumas delas.

→ O que fazer em Los Angeles

1. Calçada da Fama

Não tem coisa mais clichê que caminhar pela Hollywood Boulevard, seguindo as estrelas cor-de-rosa da Calçada da Fama. Mas tem alguma graça você ir para Los Angeles e não fazer isso? Desde a década de 1960, mais de 2.482 estrelas rosas e douradas foram colocadas na calçada pública que se estende ao longo da Hollywood Boulevard e da Vine Street, como uma forma de homenagem a todos os que trabalharam arduamente para desenvolver o conceito e manter essa atração turística de classe mundial.

A estrela do início da Calçada da Fama (Hollywood Walk of Fame). Ao lado dela, as duas estrelas principais estrelas da avenida: Elvis Presley e The Beatles

Se você deseja encontrar uma estrela específica, recomendo que você procure antes o seu endereço no site oficial da Walk of Fame, visto que são centenas delas dos dois lados da rua. Se você não tem ideia do endereço que uma estrela fica, vai ser muita sorte achar a sua preferida; embora que as mais famosas estão na circunscrição do maravilhoso Dolby Theatre.

2. Chinese Theatre

O Chinese Theatre é uma estrutura icônica facilmente identificável na Hollywood Boulevard por sua arquitetura que inclui duas colunas de coral vermelho cobertas com uma máscara de ferro, telhado de bronze, um dragão de pedra de 30 pés e dois cães celestes trazidos da China que guardam a entrada.

Seu pátio externo é uma das atrações gratuitas mais populares de Los Angeles desde a década de 1920, quando a atriz Norma Talmadge acidentalmente pisou em um cimento molhado durante a estréia de “King of Kings”. Agora, os frequentadores de cinema de todo o mundo comparam suas mãos e pés com as estrelas do passado e do presente. Inúmeras premieres e cerimônias de premiação passaram por décadas aqui.

3. Dolby Theatre

O Dolby Theatre é simplesmente a casa da cerimônia do Oscar em Hollywood, onde acontece a premiação desde 2002. Ele fica na Calçada da fama e faz parte do complexo do shopping center Hollywood & Highland Center. Para quem ama cinema, o teatro oferece o Dolby Theatre Tour, no qual você pode visitar o estonteante local onde as estrelas do cinema mundial se encontram todos os anos para a entrega do Oscar, o maior prêmio do cinema mundial.

Se você tem muito interesse em fazer esse tour e eu acho que vale muito a pena, reserve antes pelo site deles e não deixe para cima da hora. Eu acabei resolvendo fazer o passeio lá e não consegui, o que foi uma frustração enorme. Valor do tour: $25. 

4. Outras atrações da Hollywood Boulevard

Além das famosas estrelas da calçada, do Chinese e Dolby Theatre, a Calçada da Fama é bem movimentada e possui dezenas de atrações, como o Hollywood & Highland CenterMuseu de Cera Madame Tusseauds, Hollywood Museum, Egyptian Theatre, El Capitan Theatre, Guinness World Records Museum, diversas lojas como a da Disney Studio Store, do chocolate maravilhosooo Ghirardelli (uma divisão nos EUA da confeitaria suíça Lindt & Sprüngli), bares e restaurantes. Comemos em três lugares na Calçada da Fama: Hard Rock, The Hooters e Buffalo Wild Wings. Leia aqui.

O Hollywood & Highland Center, um mini shopping beem exagerado, como quase tudo em Los Angeles

Para quem busca lembrancinhas e souvenirs, não tem lugar melhor para comprar que aqui. As lojas são enormes e tudo bem em conta, tem coisas de $1, $3, $5 dólares.

5. Letreiro de Hollywood e o Mirante Mulholland Scenic Corridor

O que antes era uma campanha publicitária ao ar livre para um conjunto habitacional chamado Hollywoodland se transformou em um sinal icônico para a cidade. Esse letreiro me hipnotizou tanto que tive que trazer uma réplica dele pra casa. Lembrando que o terreno onde está o letreiro de Hollywood é fechado ao público, porém quanto mais próximo você consiga chegar ao local (no solo), permite excelentes fotografias.

O Mulholland Scenic Corridor é um mirante onde se tem vistas panorâmicas de Los Angeles, da montanhas de Santa Monica, da praia, bem como do letreiro de Hollywood. Vale muito a subida até ele. 

6. Se sentir “Uma Linda Mulher” na Rodeo Drive

Quem nunca sonhou ser a própria Julia Roberts fazendo compras sem limites na Rodeo Drive, tendo um Richard Gere esperando por ela? Bom, tirando a parte da Julia, do Richard e das compras sem limites, haha, andar por essa avenida limpa, chique e gostosa é possível.

 

Ao longo do trajeto de mais de 200 milhões de dólares, na Rodeo, turistas se misturam a gastadores sérios. Uma delícia de lugar para andar de bobeira e sonhar acordada. Tem várias entradinhas interessantes na Rodeo Drive mas nenhuma supera a entradinha da Dayton Way, onde tem um aglomerado de grifes e restaurantes, um lugar lindíssimo, que rende ótimos registros. 

7. Observatório Griffith

Observatório Griffith é um ponto de observação no topo do Monte Hollywood no Griffith Park. Esse é um dos observatórios mais visitados do mundo e vale muito a ida! Eu saí da praia e fui direto pro observatório.

Ele é bem interessante, com diversos salões de exposições sobre o funcionamento dos planetas, estações do ano, eclipses, rotação e translação da Terra, etc e abriga uma rara Bobina de Tesla, um transformador ressonante capaz de produzir tensões altíssimas a uma elevada frequência.

Além da Bobina de Tesla, o Griffith abriga um Pêndulo de Foucault, que tem objetivo de mostrar a terra em rotação, sem observações astronômicas, simplesmente usando a inércia do movimento do nosso planeta e um pêndulo.

Mas a grande atração do observatório é mesmo o Telescópio Zeiss de 12 polegadas. Mais de 600 pessoas olham através do telescópio todas as noites, o que Observatório alega ser o telescópio de maior tráfego do mundo. Minha dica é que você vá para o Griffith no final da tarde para poder pegar o início da noite, visto que só a partir das 19h é que é liberado a visita ao Zeiss. Vale muito a pena a espera na fila e a expectativa para ver Marte bem de pertinho! 

Mesmo que você não goste de museu ou não se interesse por astronomia, o complexo do Griffith é uma atração em si e proporciona uma vista e um pôr do sol deslumbrante de Los Angeles.  Não perca.

 

8. Mercado Original de Agricultores (LA Farmers Market)

Construído em 1934 como um mercado de agricultores, o Original Farmers Market é agora um antigo aglomerado de lojas, mercearias, oficinas e barracas de comida. O visual não mudou muito desde os anos 1930 e a fachada ainda se assemelha a uma aldeia de casas do lado de fora. Esse mercado é bom para comer e um ótimo lugar para observar as pessoas. Há variadas opções de comidas, mas achei a maioria delas beeem gordurosas. Se você for muito exigente e nojenta que nem eu, tem que dar uma boa rodada.

  

Acabei comendo no Phil,s, que está no mercado desde 1975 e o seu sanduíche de pastrami e foi uma boa escolha.

9. The Grove

Ao lado do Farmers Market, fica o Grove (você vai a pé), um shopping ao ar livre muito lindo e encantador. Este é tanto um ponto turístico como um local favorito de moradores, visto ser um ótimo local para compras com diversas lojas famosas como a Huntington Meats e Salsicha, Tusquellas Seafood, Cooking Classes (ótima!), livraria Taschen, Nordstrom (de departamento), World Market, Magic Nut and Candy Company, etc.

Além das lojas, há diversas opções de restaurantes, cinemas, fontes dançantes, num ambiente muito gostoso e adorável. Você pode fazer um passeio no The Grove Trolley, um bonde que percorre a First Street entre The Grove e The Original Farmers Market. Para crianças e na época do Natal, então, um sonho!

Se você for de carro, só tome cuidado com o estacionamento que fica muito lotado nos horários de pico. E como duas empresas diferentes administram os estacionamentos, você precisa ter certeza de que validou o tíquete na empresa correta antes de sair.

Um bairro mundialmente famoso de Los Angeles é o badaladíssimo Beverly Hills. O bairro é lindo, cheio de lindas casas e prédios, e uma aura única, com bastante verde. Eu não fiz nada muito especificamente nele, a não ser ter ido duas vezes ao Shopping Beverly Hills na loja da Apple. É um shopping repleto de grifes e com mais nada de diferente dos shopping dos Brasil.

1o. Caminhe pela Ocean Front Walk em Venice Beach

Venice Beach é conhecida há muito tempo como o epicentro boêmio da Califórnia e mesmo a praia recebendo muitos turistas tradicionais, ela ainda ousadamente abraça seu espírito excêntrico. O lado leste do calçadão é repleto de lojas de lembranças e restaurantes, enquanto o lado oeste apresenta artistas de rua de todos os tipos: cartomantes, pintores, malabaristas, falsos profetas e muito mais – todos esperando por a sua gorjeta, é claro. Leia nosso post sobre Venice.

11. Canais de Veneza

Enrolando-se por pitorescas e belas casas, os canais apresentam pontes em arco e belas paisagens criadas por Abbot Kinney há quase 100 anos como a “Veneza da América”, a poucos quarteirões da praia. Os canais podem ser acessados entre a Washington Avenue e a Venice Boulevard. É um lugar perfeito para passear.

12. Passeie pelo píer e por Santa Mônica

Nada alternativa como Venice, Santa Mônica é tão maravilhosa quanto. Inaugurado em 1909, o Píer de Santa Monica é o local do final da Route 66 e conhecido pela sua diversão, com um calçadão que inclui o parque de diversões Pacific Park, Heal the Bay Aquarium e um carrossel de 1922 que foi destaque no filme The Sting. Lojas, restaurantes e bares à beira-mar, ou melhor, em cima do mar, fecham as atrações. Diversão para todas as idades. Leia aqui nosso post sobre Santa Monica.

13. Dirija até a Costa de Malibu

A estrada que liga Los Angeles a Malibu já vale a ida, principalmente no seu trecho médio para o final. Repleto de montanhas, o cenário é de filme! E o litoral de Malibu é igualmente belo e cênico, e, não à toa, palco de filmes e séries de praias, um símbolo da cultura de praia do sul da Califórnia. Leia nosso post sobre Malibu.

→ Onde ficar em Los Angeles

Eu fiquei no Walk of Fame Hollywood Hostel e foi o hostel com a melhor localização que já fiquei. Ele fica exatamente na Calçada da Fama, quase em frente ao Dolby Theatre e isso fez toda a diferença na minha percepção e vivência em Los Angeles. Os funcionários são muito bonzinhos, o hostel é ótimo (!!) e foi uma maravilha tomar o café da manhã de frente para o agito da Walk of Fame. Voltaria com certeza.

A fachada do Walk of Fame Hollywood Hostel

→ Planeje sua viagem para Los Angeles

Hospedagem em Los Angeles

  • Booking.com tem 3.339 hotéis, hosteis, casas e pousadas em Los Angeles e em todo o mundo. Você obtém cancelamento gratuito na maioria dos quartos e garantia de menor preço.

Aluguel de carros nos Estados Unidos

  • RentCars é o um dos maiores serviços de reservas de aluguel de carros do mundo, que compara todas as principais marcas. A cobrança é feita em reais em qualquer local do mundo e você pode dividir em 12x no cartão ou ter 5% de desconto no boleto.

Seguro de viagem nos Estados Unidos

  • Seguros Promo é um site que faz cotação para encontrar o seguro viagem com melhor preço. Leitores do blog tem 5% de desconto, além de poder parcelar no cartão em até 12x ou 5% a mais no boleto.
Gostou? Compartilhe!

3
Deixe um comentário

avatar
3 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
0 Autores de comentários
Autores recentes de comentários
  Se inscrever  
o maisnovo mais antigo mais votado
Me notificar caso:
trackback

[…] Leia também: O que fazer em Los Angeles  […]

trackback

[…] pesado e tive que adiantar um pouco porque neste mesmo dia, ainda fui ver o Telescópio Zeiss no Observatório Griffith. O cabelo estava uma […]

trackback

[…] de uma? É muito bom! Simplesmente amamos ter tido essa experiência na nossa última viagem a Los Angeles e Las Vegas nos Estados […]